VISTORIA DO TRANSPORTE ESCOLAR RURAL

24/04/2019 às 13:42 - Educação

 Curtir

Cinco (05) veículos que compõem a frota do transporte escolar rural, de Bonfinópolis passaram por vistoria pelo Departamento Estadual de Trânsito de Goiás (Detran- GO), nessa quarta-feira , dia 24 de abril . Todos os veículos foram aprovados pela avaliação dos fiscais, que analisaram as condições dos ônibus que realizam o transporte dos alunos. Apenas um teve uma ressalva em questão à câmera frontal do veículo que é zero e veio de fábrica com o equipamento instalado de maneira errada.

Segundo o Sargento da Polícia Militar e o representante do Ministério público de Leopoldo de Bulhões , Bonfinópolis é um dos municípios mais organizados de Goiás. Os ônibus escolares do município e seus respectivos motoristas foram aprovados na vistoria do Detran, sem nenhuma irregularidade.
A Prefeitura de Bonfinópolis , através da Secretaria de Educação e de Transportes , se preocupa em atender todos os alunos, que dependem do transporte público rural, com segurança, qualidade e comodidade. Por isso, busca sempre recursos para qualificar a frota de veículos.
A vistoria do Detran é realizada a cada seis meses e tem a finalidade de conferir o estado de conservação da frota de veículos usados no transporte dos alunos, além de fazer um levantamento sobre a forma de utilização e a presença de itens obrigatórios de segurança.
Nas vistorias são checados os itens de segurança de circulação e iluminação. E são verificadas, entre outras coisas, a quantidade de cinto de segurança, validade do extintor, tacógrafo, setas, faróis, estado de conservação dos pneus, a presença de limitadores de abertura dos vidros corrediços e dispositivos para quebra e remoção dos mesmos, em caso de acidente. Além disso, também foi cobrado câmeras de ré.
Além dos equipamentos obrigatórios de segurança, para transportar estudantes, o motorista deve ser habilitado na Categoria D, ter feito curso específico e apresentar Certidão Negativa de Antecedentes Criminais. Ele não pode ter cometido nenhuma infração grave ou gravíssima ou não ser reincidente em infrações médias nos últimos doze meses.